quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Filmes em 2012-2013

Além das Montanhas
Bárbara
Argo
Django
Um alguém apaixonado
Intocáveis
Infância Clandestina
Eu, Verônica
Fausto

quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

Um filme pela paz

"O filho do outro", um filme sensível sobre Israel e a Palestina. Uma história inusitada que cria laços imprevisíveis que superam a irracionalidade da guerra sem deixar de ser crítico.

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

O céu de São Paulo e o nosso canto

Hoje o céu de São Paulo estava especialmente bonito no fim da tarde. 

Uma mistura de cores depois da chuva e antes de outra. Deu vontade de ficar na rua. Havia tempos não olhava para o céu aqui e vi esta cidade bonita. 


Olhava em volta e vi a avenida limpa. Lembrei-me que estava na avenida Paulista e lá as cores e a limpeza seguem um padrão que a diferencia do restante da cidade. O bonito estava no céu lavado pela chuva sem poluição.


Quando cheguei em casa vi a lua crescente entre as árvores do páteo, fiquei na rua curtindo o vento e fui à padaria tomar uma média com pão com manteiga. Padarias de São Paulo um pedaço da nossa casa, da nossa rua, da nossa cidade. 


Esperei escurecer para entrar.

domingo, 13 de janeiro de 2013

Volta a São Paulo, há que se aumentar a festa

Fui ao Rio novamente. Minha segunda cidade.
Há problemas de escalas na comparação das duas cidades, de imagem e de ritmo.
Vi na internet que perto de 25 blocos se organizam para o carnaval em São Paulo.
No ano passado que eu me lembro eram mais de 300 em vários bairros do Rio.
A cidade maior fica menor no carnaval. Eu adoro carnaval de rua de chegar num bloco e ir saindo sem compromisso sem fantasia ou com ela se quiser. Liberdade é a palavra. Essa forma do carnaval do Rio se expressa nessa palavra.
São Paulo podia crescer no que interessa, na festa de rua.
Esse é o sentido da vida urbana, organizar e promover a festa.
Outro aspecto que diferencia o carnaval no Rio é a mistura. Gente de todo tipo vai e se diverte.
Aqui somos mais segregados e isso se reflete na festa, na alegria.
São Paulo tem que oferecer mais dignidade nas ruas, se misturar mais. E festejar mais.